Lua nova de Capricórnio, Janeiro de 2021

Lua nova no grau 23º13´ de Capricórnio, 13 de Janeiro, 5.00 h

Conceitos chave de Capricórnio: Realidade concreta – sociedade – imagem e responsabilidades públicas (actualmente a presença nas redes sociais faz parte da imagem pública) – autoridade, figuras de autoridade – política – maturidade – trabalho profissional ou voluntário – estatuto social e profissional – realização pessoal – esforço – rigor – responsabilidade – regras, normas, limites – ambição – conservadorismo/respeito pela tradição – formalidade – empreendedorismo – profissionalismo – assumir de compromissos – frugalidade – sobriedade – disciplina

As características negativas com: Materialismo, ambição desmedida, pessimismo, tendência à depressão, avareza, excesso de conservadorismo e formalidade, mau uso da autoridade/poder, totalitarismo – repressão

 

Como é natural, ao longo da próxima lunação vamos ver e viver circunstâncias particularmente associadas a atributos de Capricórnio. O que é que de tudo aquilo mais será relevante? O que é que cada um de nós vai observar na sua própria vida e no exterior? Ouvi por estes dias uma frase perfeita para esta lunação. É esta: “quanto mais dentro, mais fora”. Lembrei-me imediatamente da Lua nova em Capricórnio, que simboliza o “fora”. Lembrei-me que o “dentro” está em Caranguejo. Lembrei-me da metafísica quando diz “em cima como em baixo, dentro como fora”. Lembrei-me da lei da atracção que estipula que atraímos sempre circunstâncias exteriores de acordo com sentimentos, emoções e crenças… que existem por dentro. Lembrei-me que o “fora” de Capricórnio só terá a qualidade desejável quando o “dentro” for um parceiro à altura, ou seja quando o “dentro” se relacionar com qualidade emocional, ou segurança emocional, atributo de Caranguejo. Todos nós somos células de um organismo gigante, a humanidade. A humanidade está emocionalmente doente, com gravidade, desde há muito tempo, e por isso manifestou uma realidade tão grotesca! No entanto, há células saudáveis….. felizmente! Para todas, aquilo que mais existir por dentro individualmente, mais se manifestará por fora, independentemente da situação em termos globais.

Símbolo Sabiano: Uma mulher entra num convento

Na minha cara desenhou-se um sorriso! A mulher vira as costas à sociedade (Capricórnio) e “confina-se”. Do sorriso cheguei à gargalhada, enquanto penso: no próximo confinamento vamos entrar no convento. Para mim que não sou nada católica, isto afigura-se um bocado claustrofóbico. Mas tudo bem, o que tenho por dentro, deixa-me suficientemente descansada que ao manifestar-se por fora vai compensar a clausura forçada.

Em termos de aspectos astrológicos temos que a Lua nova faz uma conjunção praticamente exacta a Plutão. Marte em Touro faz uma quadratura exacta a Saturno em Aquário; dentro dos próximos dias segue-se outra quadratura a Júpiter em Aquário e uma conjunção a Urano em Touro. Urano fica directo sensivelmente 24 horas depois da Lua nova.

A conjunção da Lua nova a Plutão: se ouvimos há tempo suficiente a nossa consciência a dizer-nos que metamorfoses precisávamos de operar por dentro para que o exterior reflectisse as nossas preferências, estamos no grupinho das células humanitárias mais saudáveis. Por isso, nada a recear das transformações que o exterior nos possa devolver. Se a surdez foi a nossa característica prevalecente, vamos ter que aceitar as consequências e criar novas intenções.

Marte e os aspectos que faz aos planetas referidos: se não fizemos ouvidos moucos à consciência, por esta altura já temos um sistema de valores suficientemente actual, inovador, talvez até virado literalmente de pernas para o ar. Isto permitiu que a metamorfose se iniciasse. Eventualmente já temos asas de borboleta, ou então estão em processo avançado de manifestação, ou então somos um avião, ou um foguetão. Se continuamos agarradinhos a tudo aquilo que tradicionalmente considerávamos o correcto, se mesmo com solavancos não queremos arredar pé do que sempre conhecemos e considerámos seguro, é porque estaremos surdos, e quem sabe cegos também. É aconselhável limpar os ouvidos e abrir os olhos. Esta segunda hipótese é a mais provável se nos sentirmos “à beira de um ataque de nervos”!

A passagem de Urano a directo: ficou retrógrado a meio de Agosto de 2020. Digamos que tivemos este tempo todo para nos desapegar das velhas fórmulas pelas quais nos regemos no passado. Sendo que periodicamente fica retrógrado, facilitando o processo! Outra vez: quanto mais dentro, mais fora. Quanto mais cortes com o passado fizemos por dentro, mais livres seremos por fora. Independentemente do convento e do confinamento.

Share Button